Casa / Destaque / REVOLTA: População promete fechar BR-364 após ações do Ibama

REVOLTA: População promete fechar BR-364 após ações do Ibama

As ações criminosas dos agentes, têm sido denunciada até por grupo de proteção ambiental, que alegam que o fogo causado por aqueles agentes nos caminhões e tratores.

As recentes atuações dos agentes do Instituto de Brasileiro de Meio Ambiente (Ibama), que aconteceram na cidade de Cujubim, está gerando revolta por parte dos madeireiros e populares daquela cidade. Na manhã desta quinta-feira (9) um grupo anunciou que planeja fechar a BR-364, porta de acesso à cidade.

A revolta dos moradores e madeireiros é reflexo das ações dos agentes do Ibama, em que ateiam fogo em caminhões e tratores, apreendidos em áreas de reserva ambiental naquele município. Um dos mobilizadores do movimento, que preferiu não se identificar contou o motivo da revolta da população. “O que nos deixam mais indignados é que, esses agentes do Ibama todo mês tem o salário deles nas suas contas, mas nós precisamos trabalhar e estão tirando nossos bens, de forma criminosa, garanto que eles não sabem o crime que cometeram ao atear fogo em um caminhão ou trator desse”. Desabafou.

As ações criminosas dos agentes, têm sido denunciada até por grupo de proteção ambiental, que alegam que o fogo causado por aqueles agentes nos caminhões e tratores, estão jogando na atmosfera poluição, o próprio Ibama penaliza como crime ambiental simples queima de folhas.

Com o fechamento da BR, o movimento espera um esclarecimento o mais breve possível, por parte do Ibama, para que os madeireiros possam trabalhar legalmente e que seus bens não sejam destruídos com vandalismo. Os mobilizadores da paralisação disseram que às 14h acontece uma concentração no centro de Cujubim, depois seguirão em comboio para a BR-364, onde exigem a presença do superintendente do Ibama.

 

REVOLTA: População promete fechar BR-364 após ações do Ibama

Sobre Guajará-Mirim A Pérola do Mamoré

Comente no Facebook